Após um discurso na ONU em que disse que cristãos sofrem perseguição no Brasil, ou seja, cristofobia, Bolsonaro recebeu uma mensagem do Filho dO Homem.

Cristo disse que na verdade é ele quem tem Bolsonarofobia. “Como é que alguém como eu que sempre fui um humilde serviçal dos mais pobres, das prostitutas, dos leprosos, que denunciei os ricos e poderosos — como eu pude virar símbolo de uma extrema-direita que prega a exclusão de grupos minoritários, a resolução de questões na bala, de um estado mínimo que deixa os mais pobre cada vez mais vulneráveis e que dá grandes ajudas aos extremamente ricos?”