A nova nota de 200 reais mal foi lançada e já passará por mais uma transformação. No lugar do lobo-guará, que entrou na Justiça para ter sua imagem retirada da nota por não concordar com a política econômica do governo, o Banco Central colocará o Queiroz.

A homenagem se deve ao fato de que, como o ex-assessor e amigo de Bolsonaro que depositou 89 mil na conta da primeira-dama e operava o esquema de desvio de dinheiro público conhecido como rachadinha, a nota de 200 também é difícil de aparecer e, quando você a encontra, ela logo some de novo.

A nota não poderá ser depositada em contas correntes. Só poderá ser trocada por chocolates na loja de Flávio ou entrar na conta voando ou pulando o muro.