A polêmica das asas de frango brasileiras exportadas para a China que deram positivo para o coronavírus parece ter chegado a uma solução.

Segundo autoridades chinesas, os frangos seriam de Brasília e teriam tido contato social com as emas do palácio do Alvorada.  “Conseguimos traçar o DNA da ema que bicou o presidente Bolsonaro”, disse a autoridade.

As asas de frango brasileiro contaminadas são prova de que até os frangos já pararam de lavar as mãos no Brasil, disse a OMS.

Já Bolsonaro citou Osmar Terra e disse que os frangos pegaram Covid justamente porque não saíam da granja. “Se tivessem tocado a vida não teria pegado isso aí, tá ok?”

“No mais, isso aí é só uma gripezinha aviária”, concluiu.