Era para ser apenas proteção, mas acabou se tornando a maior tacada de sua vida. O administrador Sérgio Ribeiro comprou dólares durante a campanha eleitoral com medo de uma vitória de Haddad. “Estavam dizendo que se o PT vencesse o dólar chegaria a 4”, explica.

Agora com a moeda namorando os 5, Ribeiro está feliz da vida. “A cada idiotice que o Bolsonaro fala eu fico mais feliz”, disse ele, um dos poucos brasileiros que considerou excelente o PIB ontem.