O técnico Jorge Jesus foi chamado ao Planalto por Bolsonaro e Paulo Guedes para ajudar a explicar à população por que o dólar, assim como o Flamengo, está em outro patamar. Após a foto ao lado de Bolsonaro, alguns torcedores já estão chamando o português de Judas. Paulo Guedes disse que ficou satisfeito com um título de expressão como a Supercopa no início do ano: “antigamente até doméstica ganhava Florida Cup, a Copa Mickey, uma festa danada”, declarou o ministro.