Uma boa notícia para o agronegócio brasileiro: o país bateu hoje o recorde histórico da produção de tolete de esterco.

Muito esterco tem sido produzido no país desde janeiro, especialmente em Brasília e na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. O esterco brasileiro ganhou o mundo e já apareceu até nos jardins da Casa Branca. Nas últimas semanas, os dejetos animais brasileiros apareceram na China e em países árabes.

O tolete de esterco brasileiro, no entanto, recebe críticas de ambientalistas. Ao mesmo tempo em que é muito rico em matéria orgânica em decomposição, nada cresce ao seu redor. Segundo especialistas, é só mau cheiro e nenhum crescimento.