O ex-assessor de Flávio Bolsonaro, amigo de Jair e ex-motorista da família Fabrício Queiroz teve um áudio vazado em que oferece 500 cargos em Brasília nos gabinetes da família Bolsonaro. Segundo o áudio, os salários são de 20 mil reais e cairiam “como uma uva” na mão de pais de família.

Automaticamente, uma fila de 12 milhões de pessoas começou a se formar na frente da casa do Queiroz. São tantas vagas de emprego que o Queiroz está distribuindo que empresas como Linkedn e Catho ficaram com medo da concorrência.

Depois do sabor laranja, o Queiroz agora também vem na versão uva e vai competir com a Fanta.