A Besta do livro do Apocalipse, descrita na Bíblia tendo como seu símbolo o número 666, veio a público hoje dizer que não apoia a portaria de número 666 editada por Sérgio Moro no Diário Oficial de hoje.

A Besta que anuncia o Fim do Mundo disse que não concorda com o autoritarismo da portaria, que restringe a liberdade de expressão e os direitos civis de todos os estrangeiros em solo brasileiro.

A portaria diz que uma mera investigação aberta sobre um estrangeiro poderia ser o bastante para deportá-lo a seu país de origem. O alvo seria o jornalista americano Glenn Greenwald.

“Eu não faria uma coisa assim. Sou besta mas não sou facista”, disse o monstro mitológico.