O presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse que o pagamento de R$ 40 mil de um assessor a sua mulher foi a quitação de um empréstimo. Bolsonaro revelou 14 mil a mais que o divulgado inicialmente. Com o anúncio, o presidente mostrou que realmente não entende de economia: o assessor tinha mais de um milhão.

As movimentações foram reveladas pelo Coaf. O pagamento foi feito pelo motorista do filho de Bolsonaro. O presidente acreditava que Coaf era o barulho de alguém tossindo.

A partir de R$ 5 mensais você pode ajudar o Sensacionalista a pagar as suas despesas e fazer muito mais. Saiba como participar do nosso grupo de reunião de pauta no Telegram e acessar notícias exclusivas. Clique aqui e assine