Entra ano e sai ano, muitos brasileiros aparentemente saudáveis são vistos torcendo para a seleção usando aquele chapéu que é uma espécie de cartola verde e amarela feita de espuma.

O chapéu foi algo tolerável durante 15 minutos no ano de 1995, quando Dinho, o vocalista dos Mamonas Assassinas o usou pela primeira vez.

“É muito triste, porque na maioria das vezes são pessoas com famílias, empregos, filhos. São as mesmas pessoas que usam óculos com o ano durante o revéillon”, disse o pesquisador.