Campanha de sexo consciente no carnaval quer evitar mais pessoas do signo de Escorpião

O Ministério da Saúde causou polêmica ao liberar sua nova campanha para conscientização do sexo seguro no carnaval. De acordo com o ministro da saúde, Ricardo Barros, a meta da campanha “NINGUÉM MERECE ESCORPIÃO” é controlar a epidemia de escorpianos que acontece todo ano, nove meses após o carnaval.

“A gente torce para que as mulheres engravidem antes ou depois do carnaval, para evitar que seus bebês nasçam em outubro/novembro. Por isso não fazemos campanha de conscientização do sexo seguro durante o resto do ano” afirmou o Ministro em entrevista ao Sensacionalista.

“Nós pensamos em algumas outras campanhas teste durante o ano, como a ‘SETEMBROXA’ para controlar o nascimento de geminianos, mas achamos que a prioridade atual do governo precisa ser diminuir o número de escorpianos, pois são vingativos e dissimulados, uma ameaça constante à estabilidade da população brasileira” disse.

Em resposta, eleitores começaram a fazer imediatamente uma campanha de distribuição de camisinhas para evitar o nascimento de ministros.