O deputado afastado Rodrigo Rocha Loures (PMDB) entregou ontem para a Polícia Federal a mala com R$ 500 mil que estava em sua posse desde o dia 28 de abril quando foi fotografado recebendo o montante em uma pizzaria de São Paulo.

A defesa de Loures alegou que o deputado havia comprado uma mala cheia de tijolos no Mercado Livre e que foi pego de supresa ao ver que no lugar dos tijolos havia dinheiro. “Rocha Loures é um homem de boa índole e foi pego em um golpe comum na internet”, disse seu advogado através de nota para a imprensa.

Loures só teria percebido que estava com aquela quantidade de dinheiro na mala, quando notou que estaria com excesso de peso na bagagem e tentou transferir parte do conteúdo para outra mala.