O comercial da Pepsi com a participação de Kendall Jenner vem sendo criticado nas redes sociais por ridicularizar manifestações de rua. O vídeo começa com Kendall em uma sessão de fotos enquanto um protesto acontece nas ruas. A modelo troca olhares com um manifestante que a convida a entrar no protesto. Ela pega uma latinha de Pepsi, passa pelo meio dos manifestantes e vai em direção a um policial. Kendall, então, oferece, como forma de paz, o refrigerante para ele, que toma um gole.

Agora, manifestantes de todo o mundo convidam os criadores do comercial para enfrentar spray de pimenta e bala de borracha oferecendo latinhas de Pepsi aos policiais.

“Já apanhei muito em manifestação, fiquei horas com os olhos ardendo na última que participei, e ainda tenho marcas de bala de borracha no corpo. Mas, aparentemente, a culpa foi minha, que não levei latinhas de refrigerante para pacificar os policiais”, disse Gustavo Freitas.

O Sensacionalista procurou um policial para ouvir sua opinião sobre o comercial. “Não agrido manifestante, mas vejo muitos colegas agindo de forma violenta sim. Claro que dar uma latinha de Pepsi não resolveria o problema, nem se fosse de Coca Cola adiantaria alguma coisa”, disse.