O ex-presidente da Odebrecht infra estrutura delatou ter pago R$ 9 milhões ao PSDB em caixa dois, a pedido do senador Aécio Neves. Nos bastidores comenta-se que já existe um formulário com o nome de Aécio e os digitadores só precisam preencher os valores, tantas foram as vezes que ele já foi citado.

 De acordo com Benedito Junior, o senador estava em campanha em 2014 quando pediu a ajuda. Desconfia-se que infra estrutura da Odebrecht seja na verdade infra de políticos. Coisas básicas como coberturas e contas no exterior.

No dia anterior, Marcelo Odebrecht disse que Aécio  pedira outros R$ 15 milhões mas não ilegalmente. Nas planilhas da propina porém há pagamentos de exatamente R$ 15 milhões para alguém chamado “Mineirinho”. A refrigerantes Mineirinho garante que não recebeu nada.