Em 2015, quando o jornalista Ricardo Boechat, apresentador da Band News FM, chamou o pastor Silas Malafaia de “paspalhão” e o mandou “procurar uma rola”, não sabia que essa rola demoraria tanto tempo para aparecer. Quase dois anos depois, na noite de ontem, Silas foi indiciado pela Polícia Federal por lavagem de dinheiro.

A Operação Timóteo, que faz referência à passagem bíblica: “Os que querem ficar ricos caem em tentação, em armadilhas e em muitos desejos descontrolados e nocivos, que levam os homens a mergulharem na ruína e na destruição”, investiga um esquema de corrupção em cobranças judiciais de royalties da exploração mineral e Malafaia é suspeito de apoiar na lavagem do dinheiro do esquema.

Malafaia ainda não se pronunciou, mas um vídeo falando que não lavou dinheiro, apenas recebeu dinheiro em suas contas, o que ele chama carinhosamente de “oferta”, já deve estar sendo produzido para ser postado em suas redes sociais. Caso seja preso, Silas poderá finalmente encontrar a rola.

Veja o vídeo em que Boechat profetizou a rola sobre a vida do pastor: