O Papa Francisco emitiu na última segunda-feira um comunicado através de sua conta no Twitter explicando que, pessoas que tem medo de altura, não precisarão mais ir para o céu após a morte.

A notícia dividiu opiniões entre os fiéis. Alguns se sentem abandonados ao perambular pelo purgatório por toda eternidade e outros se sentem aliviados de não precisar mais subir somente por terem vivido uma vida de compaixão e boas ações.

“Eu sinceramente me sentia punido. Eu ajudo os pobres, respeito o próximo e vou à igreja toda semana, a recompensa que eu espero não é passar a eternidade me cagando de medo” explicou um fiel.

Um cardeal assessor de Francisco explicou que, de acordo com revelações divinas feitas ao próprio Papa, os santos residentes do paraíso celestial não aguentam mais pessoas gritando de medo constantemente, atrapalhando o sossego de quem busca a paz eterna.

“Chegou num ponto em que algumas pessoas com medo de altura estavam recebendo cartas anônimas de outros anjos mandando eles irem embora, que ali não era lugar para eles. Então decidimos que nesses casos, subir para o céu será facultativo” explica.

A regra não vale para as pessoas já destinadas a irem pro inferno, como os que comemoram o sofrimento de uma família após um episódio trágico, por exemplo.