As comemorações pela volta às aulas vararam a manhã e a tarde desta segunda-feira. Há três meses sem ter paz, os pais com filhos na escola aproveitaram para tirar o atraso da vida a dois. Várias festinhas foram registradas na cidade. Alguns motéis chegaram a ter fila de carros na porta.

O índice de falta de funcionários e de reuniões desmarcadas nas empresas foi recorde. Foram milhares de casos de funcionários que ligaram para o chefe alegando doenças e não apareceram para trabalhar.

Mas o que era pra ser uma comemoração pode acabar trazendo mais bagunça dentro de casa nos próximos anos. O Ministério da Saúde emitiu um alerta para a possibilidade de um baby boom daqui a nove meses.