A Revista Mountain Bike elegeu a ex-presidente Dilma Rousseff a mulher do ano. A premiação veio logo após o título semelhante dado a ela pelo Financial Times. Que depois do prêmio, aliás, passou a se chamar apenas Times.

A Mountain Bike destacou que a brasileira entra para a história por suas grandes pedaladas. Já o Financial Times iniciou uma apuração interna e acabou descobrindo que o editor que fez a escolha trabalhava na brasileira IstoÉ. Ele agora foi trocado para a segunda linha de chefia.

Temer já enviou uma nota ao Financial pedindo para entrar numa errata no lugar de Dilma.