A pesquisa Datafolha divulgada na manhã de hoje mostrou o candidato a prefeito do Rio, Marcelo Crivella, na liderança com 28℅ das intenções de votos, seguido por Marcelo Freixo, com 11℅, e Flávio Bolsonaro, com 9℅.

Crivella é bispo da  Igreja Universal, que é sempre acusada de fazer propaganda eleitoral pelo senador, o que é um crime eleitoral. Além disso,Crivella já foi investigado sob suspeita de ter enviado dinheiro ilegalmente a paraísos fiscais por meio de empresas  ligadas à Igreja Universal e a Record.

Ao verem o candidato Crivella na frente nas pesquisas, os cariocas perderam grande parte de sua fé em Deus. “Não é possível que haja uma entidade divina tomando conta do mundo. Não com uma coisa dessas acontecendo”, disse o agora ex-cristão, Marcelo Fernandes.
Após a pesquisa de intenção de votos e o debate da Band, empresas aéreas e rodoviárias relataram grande aumento na busca de cariocas por passagens para fora do Rio.

Bruno Machado