A Rio 2016 é o maior e mais importante evento que o Brasil já sediou e ser o centro das atenções do mundo gerou no povo brasileiro uma enorme dúvida sobre a capacidade da cidade do Rio de Janeiro de receber o maior evento esportivo do mundo. Em meio a diversas notícias negativas e incertezas, durante a cerimônia de abertura dos jogos, não só o Brasil inteiro se tranquilizou, como mostramos para o mundo inteiro que de festa a gente entende como ninguém.

Porém toda boa festa precisa ter fotos constrangedoras no dia seguinte, ressaca monstruosa e aquele momento “meu deus, eu não acredito que fiz isso”. Faz parte do pacote. Dito isso, pira olímpica acesa, jogos em andamento, festa bonita e o mundo inteiro encantado com a Rio 2016 são só as partes boas que a gente quer lembrar desse momento histórico. As não tão boas assim a gente mostra nessa lista de maiores micos das Olimpíadas (até agora):

Lembrando que só a gente pode falar mal, ok? Segura no sorriso amarelo de quem tá achando tudo lindo e vamos nessa!

gloria maria

“Misteriosamente verde”01

Investigações não conseguiram concluir o motivo da alteração na cor da água, mas a análise garantiu que a água não apresentava nenhum risco para a saúde ou comprometeria o desempenho dos atletas. Joga um filtro mais clarinho do Instagram que ninguém vai perceber!

É grátis mas não é pra pegar não!02

A Coca-Cola, patrocinadora oficial do evento, fez uma reclamação ao Comitê Olímpico Internacional, afirmando que os voluntários estão abusando dos refrigerantes gratuitos distribuídos pela empresa e que há fotos de assistentes de delegações com até cinco garrafas de uma só vez. Além de trabalhar de graça, os voluntários não podem nem sequer postar uma foto com cinco garrafinhas?

“Me sentindo mais inútil que salva-vidas em piscina olímpica”

Por qual motivo seria necessário uma salva-vidas na piscina com os melhores nadadores do mundo? Tudo culpa de uma lei estadual de 2001 que obriga a permanência de guardião de piscinas de dimensões superiores a 6m X 6m em território fluminense. Provavelmente lá em 2001 ninguém imaginou que o Rio de Janeiro seria sede das Olimpíadas e, graças à lei, a salva-vidas mais entediada do mundo virou meme e ganhou a internet.

Parece até notícia do Sensacionalista, mas não é05

No último sábado, 06, um torcedor que assistia à competição de Arco e Flecha no sambódromo, foi retirado da arquibancada pela Força Nacional. Ele teria, supostamente, gritado “Fora Temer”, além de carregar um cartaz com os mesmos dizeres. Veja o vídeo:

Manifestações de cunho político vinham sendo proibidas nas instalações olímpicas, baseando-se na lei 13.824/16, que proíbe manifestações ofensivas, xenófobas e racistas. Citam especialmente o inciso X do artigo 28, segundo o qual torcedores não podem “utilizar bandeiras para outros fins que não o da manifestação festiva e amigável”. Como o melhor do Brasil é o brasileiro, os torcedores deram um jeitinho de protestar até a Justiça do Rio de Janeiro liberar, na terça-feira, “manifestações pacíficas de cunho político” durante os Jogos Olímpicos Rio 2016. O juiz federal João Augusto Carneiro Araújo afirmou que proibir as manifestações, em geral pedindo a saída de Michel Temer do cargo de presidente, “contraria o próprio espírito olímpico de união e respeito entre os povos e o respeito à diferença”.

Quer comer? Fica em casa e assista aos jogos do sofá06

A falta de comida nas arenas olímpicas, principalmente em Deodoro e na Barra da Tijuca durante o final de semana, gerou desconforto entre o público que, faminto, ficou sem opção. Uma das reclamações foi de que as pessoas não podiam deixar as arenas para se alimentar. O Comitê da Rio 2016 disse que as falhas operacionais e de logísticas eram previstas, mas que seriam devidamente solucionadas e food trucks tiveram que ser chamados para reforçar o abastecimento no local. O que nos leva a outro micão:

07

Os preços! Se você der sorte de encontrar uma ilha de vendas sem fila e que ainda tenha alguma coisa a ser vendida, pagará a bagatela de R$10 por um chocolate de 90g.

O país do futebol, ao meu ver, não é mais tão do futebol assim…09

Pelo menos não do futebol masculino. Já as meninas do futebol feminino estão dando um show à parte! Enquanto esperamos pela seleção masculina reagir, você pode ver a feminina na sexta-feira, às 13h, contra a Austrália. VAI MARTA!

Se locomover no Rio com transporte já é difícil, sem transporte então…10

Milhares de torcedores que estiveram presentes na partida de vôlei feminino entre Brasil e Argentina, no Maracanãzinho, na noite da última segunda-feira, ficaram sem ter como voltar pra casa. A estação de metro General Osório, que liga a Zona Sul à Barra (linha 4) durante o período dos jogos, estava fechada quando eles chegaram ao local, 1h da manhã. Um turista paulista pagou R$160 de táxi, já que não conhecia outra forma de voltar para o Condomínio Rio 2, na Barra. Ele só chegou às 3h.

Organização comemorou ventos que limparam a Baía de Guanabara

lixo-baia-guanabara

Sim, esse momento aconteceu ontem, no RJ TV e não no Canal Sensacionalista. O velejador brasileiro Lars Grael chegou a comentar que “Deus é brasileiro”, já que os ventos empurraram o lixo para além da Ponte Rio-Niterói. Se Deus é mesmo brasileiro, eu não sei, mas esse micão vai ser pra sempre nosso.

Lembrando que nossa torcida é para que os jogos sejam um sucesso e que todos os problemas sejam devidamente contornados.