​Um atleta brasileiro do judô foi desclassificado das olimpíadas após perder a concentração por causa da torcida. O judoca começou bem a luta, sendo incentivado pela torcida brasileira, mas quando seu adversário ganhou peso na luta, a torcida começou a vaiá-lo. Envergonhado, o atleta brasileiro se desconcentrou e acabou perdendo a luta.

” A torcida ajuda quando nos dá apoio, mas vaiar os adversários é feio, pega mal para o país. Não é esse o espírito da olimpíada e do esporte em geral”, disse o judoca.

Para avaliar a impressão que os atletas estrangeiros tiveram do Brasil, o COI fez uma pesquisa e descobriu que as vaias aos adversários incodam mais do que os problemas estruturais do país.

Bruno Machado