Esse ano não tem Dia do Beijo. Seria comemorado hoje, mas, de acordo com uma pesquisa da Organização Mundial de Saúde (OMS), neste data as pessoas beijam o triplo do que costumam. Resultado: suspenderam a comemoração. Em São Paulo, já estão sendo criados os Dias do Não-Beijo, que são todos os dias da semana, com o objetivo de convencer os adolescentes a entrar na onda e não beijar. “Eu aderi e achei fantástico!”, diz Lara Fontes Pessoa, de 16 anos, que já postou fotos com o namorado Tomás, de 17, apenas de mãos dadas, com as hashtags #DiaDoNãoBeijo #SaúdeÉAmor #ChupaH1N1 #TomásTemBafoMeLivrei.

A OMS ainda estuda se nos próximos anos vai manter o Dia do Beijo. Para que a data não seja banida totalmente do calendário festivo e cada vez maior de datas inúteis, estão pesquisando a “camisinha do beijo”, que seria a solução para este e outros problemas.