O agente Newton Hidenori Ishii, que ficou conhecido como japonês da federal, deve ter uma surpresa em breve quando olhar no seu olho mágico. O superior tribunal federal manteve sua condenação por corrupção na facilitação de contrabando em Foz do Iguaçu.

Ishii foi preso em 2003 e condenado em 2009. Mas recorreu e conseguiu voltar à PF. Acabou virando símbolo das operações e até marchinha de carnaval. A defesa do agente diz que ele foi condenado apenas a pagar cestas básicas.

A letra da música agora será adaptada e ele vai cantar “Ai meu Deus/ Me dei mal/ o Recurso caiu e eu saí da Federal”.