O adolescente Maurício Sampaio, de 16 anos, estava há pelo menos três anos sem conversar com sua família. Mas a realidade mudou na semana passada. Com o fechamento do Mega Filmes HD, Maurício finalmente se levantou de seu computador, saiu do quarto e foi até um outro cômodo da casa. A mãe do rapaz não acreditou quando viu Maurício de pé.

“Meu filho não andava. Para mim isso foi uma espécie de milagre”, disse ela, que está escrevendo uma carta ao Vaticano, pedindo a canonização do delegado da Polícia Federal que conduziu as investigações contra o site que exibia filmes piratas.

A alegria da família de Maurício, porém, pode estar perto de chegar ao fim. Afinal, esse mês foram lançados Star Wars Battlefront e Halo 5. O rapaz, que foi internado com tendinite de tanto fechar pop ups, voltará para casa em breve.