Visando o bem-estar dos colaboradores, projeto de lei quer impedir que geminianos e leoninos briguem por atenção em reuniões semanais e que piscianos e virginianos parem de fofocar enquanto tomam cafezinho na copa.

A medida já tem apresentado resultados em grandes empresas na capital paulista, o único problema até agora é que nas terças-feiras, dia dos sagitarianos, as empresas registraram um atraso de 40 minutos para abrirem suas portas. Em compensação, nas sextas-feiras, dia dos capricornianos, todos chegaram uma hora antes do previsto e saíram da empresa apenas no sábado pela manhã.

Por @rodpocket