O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) está elaborando uma nova lei que, para proteger os direitos dos brasileiros com contas fantasmas na Suiça. O projeto irá tornar crime as ofensas e injúrias dirigidas contra este seleto grupo do qual o próprio deputado é integrante. A nova lei vem depois da criação do polêmico PL que criminaliza o preconceito contra heterossexuais.
“Todo mundo diz defender os direitos das minorias, mas ninguém se importa com a dignidade ferida da nossa minoria de brasileiros com contas milionárias na Suiça”, denunciou Cunha.

O presidente da Câmara ainda prometeu criar em breve um novo projeto para atender as vozes das ruas cansadas de pagar impostos: “irei descriminalizar a sonegação, pois esta, num país com uma carga tributária imensa como o nosso, nada mais é que legítima defesa”.

Colaboração do leitor Gabriel Vaccari