Um levantamento inédito feito pelo Núcleo de Estudos Para a América Latina (Nupal) mostrou que a imensa maioria dos usuários agressivos no Facebook são inofensivos na vida real. De acordo com o estudo, o teclado ou a tela de um celular formam um grande escudo protetor, que protege o pequeno animalzinho, fazendo com que ele consiga rosnar, quando na vida real ele apenas ronrona.

“É um fenômeno impressionante que observamos diariamente”, disse o coordenador do estudo. Ele foi ameaçado no Facebook pouco antes de divulgar o resultado e, por isso, preferiu não ser identificado.

O Nupal agora vai tentar entender porque  parte das pessoas que dão bom dia no Facebook não faz o mesmo com seus porteiros.