Uma comissão de intelectuais reunida pela ONU para discutir a relação entre o casamento gay e a fome na África encerrou seus trabalhos sem conclusão. A Organização das Nações Unidas reuniu cérebros do mundo inteiro para tentar encontrar algo que justificasse a relação que está sendo feita no Facebook por alguns usuários.

Algumas teorias chegaram a ser formuladas mas sem qualquer fundamento científico. “Aparelho excretor não reproduz. Se não reproduz, não produz força de trabalho. Sem produção de força de trabalho não há produção de alimentos. Sem alimentos, há fome. Qualquer um entende isso”, tentou explicar um candidato conservador. Ele, evidentemente, não estava no conselho de sábios da ONU.

“Convocamos inclusive algumas pessoas que venceram o prêmio Nobel mas ninguém foi capaz de explicar isso. Será mais uma das grandes questões da humanidade que permanecem sem resposta, como por que o ar condicionado só pifa no verão e por que os garçons nunca sabem a senha do Wi-fi”.