Depois de carne de cobra e carne de gato, o trending culinário do momento é usar carne de cachorro no preparo de pastéis. Xing Ling, empresário chinês internacionalmente conhecido em toda China, trouxe o conceito para o Brasil em várias pastelarias pelo Rio de Janeiro. Como a polícia não costuma muito acompanhar a moda, os estabelecimentos já estão todos interditados.

Ao ser preso, ele lamentou sua falta de sorte: “Fui aconselhado a abrir uma pastelaria no Brasil com carne de vaca e outra na Índia com carne de cachorro, mas como seu meio distraído acabei fazendo ao contrário”.

Xing Ling recebeu uma pena exemplar, e encontra-se encarcerado em Bangu 1, numa cela com cinco dobermanns.