A Polícia Militar do Rio de Janeiro deu incício, hoje pela manhã, à reintegração de posse de um prédio do ex-bilionário Eike Batista no bairro do Flamengo. O que a PM não esperava era encontrar, entre os ativistas do Movimento Sem Teto, o próprio dono do prédio. Eike foi encontrado dormindo sobre folhas de papelão em um apartamento do sexto andar. Antes de sair, pediu aos policiais que esperassem para que ele pudesse comer a sopa que havia deixado sobre um fogão improvisado sobre lajotas. A princípio, os policiais não reconheceram Eike, uma vez que ele estava sem a peruca, confiscada pela polícia federal numa operação em fevereiro.

“Estamos na luta por melhores condições de vida, mas sem nos esquecer de multiplicar os ganhos, por isso estou lançando hoje o MTST-X, minha própria versão do movimento sem teto”, disse Eike a jornalistas na saída. “Estou inclusive vendendo ações para este novo empreendimento que, como vocês podem ver, já é um sucesso de público. Coisa boa. Na minha mão é mais barato.”

M Zorzanelli