Uma pesquisa do Núcleo de Estudos da América Latina (Nupal) revelou que os consumidores acreditam mais no vidente que previu a queda do avião em São Paulo do que nas promoções da Black Friday. O instituto ouviu 1200 pessoas em todo o Brasil e muitas delas conversaram com o pesquisador só para reclamar de vizinhos e colegas de trabalho, sem falar nada que tivesse a ver com a pesquisa.

A estimativa do comércio é que a Black Friday desse ano tenha 50% a mais de vendas, com liquidações que devem chegar a até 150% a mais no preço. De acordo com o levantamento do Nupal, 8 em cada dez pessoas são seres humanos. Os outros dois não souberam responder e apenas latiram.

Otileno Junior