O casamento da neta de Jacob Barata, no Rio, já provocou uma nova tendência. Empresas de casamento já oferecem um pacote com 200 manifestantes por R$ 10 mil reais. Acrescentando outros R$ 10 mil, é possível contar também com uma equipe do Bope, que vai distribuir porrada nos manifestantes. “Hoje em dia casamento sem protesto é coisa de pobre”, disse a empresária Antonia do Amaral Castro Barbosa Silveira Peixoto e Souza.

A empresária diz que outros pacotes podem ser oferecidos, desde que o cliente pague por isso. “Podemos incluir também balas de borracha. Sabe como é, manifestante ferido sempre dá mais mídia”.

Nelito Fernandes