Três bebês ainda sem nome foram resgatados com o auxílio de uma junta médica após passar incríveis nove meses aprisionado no interior da própria mãe. Os médicos disseram que a situação dos bebês é delicada, eles não conseguem andar, não falam e sequer conseguem fazer suas necessidades sozinhos: “estão muito traumatizados, não param de chorar um segundo.”

A mãe foi presa logo após a retirada dos bebês. A polícia disse que o pai da criança foi quem fez a denúncia: eu percebi chutes, então vi que havia alguém querendo sair: “Eu nunca imaginei que minha própria esposa pudesse estar fazendo isso, ainda mais por se tratar de três crianças. Eu estava dormindo com o inimigo”.


Vinícius Antunes