Mal a internet se recuperou de “Alejandro”, mais um clipe de sucesso da cantora americana Lady Gaga, o próximo vídeo da estrela vazou para a imprensa nesta terça-feira. Se “Alejandro” chocou o público com cenas de sexo sadomasoquista e trajes mínimos, o clipe de “Fuck Everything, I’m a Star” promete fazer corar até o mais aguerrido fã do poeta do bizarro Marilyn Manson. O clipe começa com Gaga atirando com uma escopeta de cano serrado na cabeça de focas brancas. Um corte rápido põe a cantora em plena selva amazônica, onde ela pratica sexo com micos-leões-dourados usando um vibrador decorado com cipós.

A cantora também é mostrada castrando bebês panda na China. O show de fetiches e atrocidades se estende pelos 15 minutos seguintes. O ponto alto do clipe é uma cena em que a cantora, munida de uma metralhadora, fuzila várias famílias de exilados numa tribo em  Darfur. “Eu só queria chamar a atenção para os problemas do mundo”, disse Lady Gaga na coletiva convocada após o vazamento de “Fuck Everything, I’m a Star”. “Eu não quero chamar a atenção para mim. Eu sou uma pessoa discreta. O importante é a minha arte e as questões sociais”.