Um estudo revelador feito em parceria entre o INMET e a ONG Organização para a Psicologia do Trabalho (OPsiT) mostrou que a queda acentuada da temperatura nas grandes capitais provocou uma súbita mudança no comportamento de usuários de elevadores.

Em até 68% dos casos, os usuários das cidades onde a pesquisa foi realizada ficaram sem assunto dentro dos elevadores devido a ausência de calor e de chuvas provocada pela proximidade do inverno. Já 29% optaram por falar sobre o próprio frio.

Ainda de acordo com o estudo, a pausa no campeonato brasileiro para a Copa do Mundo também causou mudança repentina nos inícios de conversa dentro do elevador, já que a frase “e o Flamengo, hein?” ficou fora de contexto com a interrupção do campeonato.