Bom dia para Lula em Curitiba é mais chato que bom dia em grupo de família do Whatsapp, diz pesquisa

“Bom dia, presidente Lula!”. É assim que começam todos os dias no entorno do prédio da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. O grupo de 200 manifestantes acampados gritam seu bom dia ao ex-presidente através de megafones e sistemas de som.

Uma pesquisa recente feita em todo o território nacional com mais de 2 mil pessoas apontou que ter pessoas gritando “bom dia” do lado de sua casa é aproximadamente cinco vezes mais chato do que receber mensagens de Bom dia com imagens de Jesus chorando ou um pôr do sol.

A pesquisa foi realizada por um instituto ligado ao PT. Quando entramos em contato para esclarecer mais informações, a pessoa que atendeu disse que não era do instituto, mas da casa de um amigo.