Bibi Perigosa e Pabllo são os nomes de meninas mais escolhidos nos cartórios do Brasil

Por muito tempo os nomes bíblicos apareciam como os mais utilizados por brasileiros na hora de batizar seus filhos, até que uma recente febre de Enzos e Valentinas alcançou o topo do IBGE. Novos dados divulgados, no entanto, mostram que o reinado dos dois nomes que mais cresceram na última década pode estar ameaçado nos cartórios do país.

A pesquisa, que visitou cartórios de mais de 250 cidades brasileiras, mostrou que os nomes da ficção estão voltando com força e as personagens responsáveis por essa volta às origens são Bibi Perigosa, de “A Força do Querer” e Pabllo Vittar, nome artístico da maior drag queen do mundo, que é brasileira.

“Por aqui já batizamos de Bibi Perigosa mais de 35 meninas, só neste mês” disse uma funcionária de um cartório em Belo Horizonte.

No mesmo cartório, o nome Pabllo tem causado controvérsias.

“O nome que até então era considerado de menino, agora também aparece em certidões de nascimento de meninas. Foram seis aqui em setembro”. A funcionária contou ainda que três fãs da Pabllo Vittar batizaram seus filhos de IUQUÊ?, com interrogação e tudo.

A expectativa é de que até o fim de 2018 outros nomes da ficção brasileira sejam utilizados para batizar as crianças. Os votos até agora ficam por conta de Aposentadoria e Título Eleitoral.