Ambulantes vendem disfarces em ônibus, trens e metrô para flamenguistas chegarem no trabalho

Após a derrota de ontem para o Cruzeiro, flamenguistas de todas as regiões do estado e de todas as classes sociais não sabem como chegarão no trabalho hoje com tanta vergonha pela derrota de seu time.

Aproveitando a oportunidade de lucrar, ambulantes que trabalham em ônibus, trens, metrô ou nos sinais de trânsito estão vendendo disfarces para que os flamenguistas consigam fugir das zoações dos colegas durante o dia.

“Já vendi cinquenta unidades só até às 8h. É marca, é luxo, é qualidade”, disse o ambulante Rogério Tavares.

Alguns flamenguistas, entretanto, resolveram nem ir ao trabalho hoje e foram ao médico pedir uma atestado médico por vergonha aguda.