Festa ‘se nada der certo’ em colégio debocha de garis e faxineiras e mostra que já deu tudo errado

Formandos do terceiro ano de dois famosos colégios particulares do Sul do país, um evangélico e um católico, organizaram uma festa à fantasia durante o recreio.

Até aí, nada de mais. Mas o tema… As fantasias da festa “Se nada der certo” deveriam refletir o rumo que a vida dos alunos tomaria caso não passassem no vestibular.

Os alunos do 3º ano do Instituto Evangélico de Novo Hamburgo deste ano e os do Colégio Marista de Porto Alegre em 2015 posaram com fantasias de faxineiras, atendentes do McDonalds, vendedores ambulantes, lixeiros, vendedoras do Boticário, entregadores de pizza…

Depreende-se que, para eles, esta seja a escória da força de trabalho brasileira.

A única coisa que não colou muito bem foi a falta de negros nas turmas. Pintar o rosto faria as fantasias ficarem mais verossímeis, não é? Enfim.

A gente se pergunta como é possível que dentro de uma instituição de ensino algo desta natureza seja tolerado. Para não dizer estimulado, já que é um evento oficial da escola.

Que sociedade será o reflexo da realidade em que jovens de 16 e 17 anos zombam da forma como a maioria população põe comida na mesa e tenta sobreviver?

Estas fotos mostram que não é preciso reprovar no vestibular para que as coisas não deem certo. Elas já deram muito errado.

Marista

04

Fantasia de gari foi uma das escolhidas por mais de um estudante. Ainda hoje olhar para a profissão gari com desdém mostra que as pessoas realmente não entenderam nada.

18

E que se o seu filho estuda em um lugar que incentiva o deboche às pessoas que estarão do outro lado, sem que se leve em consideração as histórias de vida por trás de um uniforme, quer dizer que ainda existe um longo caminho a ser percorrido.

09

E não adianta nada dizer que a “sua” empregada é como se fosse da família, se a sua filha vai zombar dela na festinha da escola.

16

14

10

Bom senso: R$0,00

03

 

11

Cuidado, porque para ser entregador de pizza, é preciso passar na autoescola e não é nada fácil, tá?

12

Por que não aproveitar nossos privilégios para rir dos moradores de rua aqui no pátio de nosso colégio particular super caro?

13

Provavelmente essa estudante não viu o fora que a ex-BBB Tatiele levou do próprio Faustão, quando disse que “se nada desse certo” viraria bailarina. Talvez esse vídeo ajude:

Tem que estudar muito pra ser bailarina do Faustão!

17

Se nada der certo, é só cometer um crime!

08

Ser mímico talvez seja uma boa opção pra quem deveria mesmo ficar quieto, em vez de fazer ou falar o que não deve.

Instituição Evangélica de Novo Hamburgo

01

03

02

 

04

Vendedor ambulante.

05

Atendente do Mc Donalds e morador de rua.

06

Entregador de jornal

07

Vendedoras

08

Faxineiras

09

Ladrão

10

Até o fechamento desta matéria, os colégios envolvidos ainda não haviam emitido comunicados oficiais sobre os eventos.