Macron vence com 66,6% dos votos e Le Pen reclama que esse número é dela

Emannuel Macron, 39 anos, se tornou o mais jovem presidente da França no domingo. Candidato de centro, que promete brigar pela integração europeia, ao mesmo tempo em que combate o terrorismo, Macron venceu a candidata da extrema-direita, Marine Le Pen, apologista do separatismo e do medo, com 66,6% dos votos. E recebeu logo a primeira reclamação da adversária: esse número, 666, é dela.

Apesar da vitória esmagadora de Macron, houve alto índice de abstenção, em especial porque eleitores da esquerda francesa não se identificaram com nenhum dos candidatos. Agora, o país está extremamente dividido e cheio de manifestações reprimidas com violência nas ruas, além de alto índice de desemprego. O programa de Macron prevê reforma trabalhista  e da Previdência. Sim, estamos falando da França e não do Brasil.