Doria tenta beijar mão do Papa mas botox não deixa

O prefeito de São Paulo João Doria Jr foi ao Vaticano para reconvidar o Papa Francisco para visitar o Brasil na comemoração de 300 anos de Nossa Senhora Aparecida.

Francisco já havia recusado um convite de Michel Temer — o Papa encaminhou o convite para o exorcista chefe do Vaticano.

Durante a fala de pouco menos de 30 segundos, Doria tentou convencer o pontífice usando um portunhol da mais pura procedência.

Mas, na hora de beijar a mão de Francisco, Doria parou a alguns centímetros do alvo — o botox aplicado recentemente não deixou que ele fizesse o movimento do beijo.

Uma outra versão que circulou antes era a de que o Papa teria temido que o portunhol de Doria fosse contagioso, por isso não deixou que o prefeito o tocasse com os lábios.

Após as recusas a Doria e Temer, o MBL disse ter provas de que Francisco teria sido eleito Papa com dinheiro da Odebrecht e promete lotar a praça São Pedro com 7 pessoas.

Sensacionalista em vídeo

Inscreva-se no nosso canal e não perca mais nenhum vídeo