Os barracos e as mensagens mais loucas dos grupos de venda de produtos saqueados no Espírito Santo

Como você já deve estar sabendo bem (por causa da internet e não pela grande imprensa, claro), o Espírito Santo vive a maior crise de segurança pública de sua história.

Com os policiais militares aquartelados desde sábado, todas as cidades do estado ficaram à mercê dos marginais. O resultado foi uma onda pavorosa de assaltos e homicídios. 

E não só: no caso de Cachoeiro de Itapemirim, uma parcela considerável da população, até crianças e mulheres, decidiu que seria uma boa ideia saquear dezenas de lojas do centro da cidade.

Este vídeo que registrou o auge da ação já nasceu clássico

Mas, e o que fazer com tanta coisa roubada?

Vender na internet, claro!

É claro, também, que quem vende o produto roubado que quer, ouve o que não quer.

Vamos ver as tretas!

Tem que ter disposição!

16427490_10203126617124004_674916585046906873_n

Chegou tarde, sua rata! kkkkk

16427674_215031885635126_3054465738699624678_n

16473898_215031858968462_1358399923166754750_n

E começou o barraco

16473040_215031828968465_3984668788346840121_n

Ladra, sim. Mas não me chama de marmita, não!

16508219_215031978968450_8762205570053025022_n

Olha o bonde das saqueadoras!

16508792_215031915635123_44325639749097421_n

Não me julgue!

lucro

Como diz o Safadão: palmas pra você

16640682_390189608013830_6527445067944114530_n

Agora vejam o caso deste pastor flagrado roubando

16508563_733740063470329_3937844337686352174_n

Olha a desculpa dele, que coisa maravilhosa

16473634_733740123470323_7197595681916304692_n

Também teve esse distraído que perdeu a nota

16473829_10203126624804196_2353356778430952031_n

Por fim, só indo para o motel. Ops

16507879_1184901874963013_2327495591608455331_n