O presidente interino Michel Temer foi citado pelo delator Sérgio Machado na Lava Jato. Segundo ele, Temer teria pedido ajuda para a campanha de Gabriel Chalita à prefeitura de São Paulo em 2012. 

Assim que soube da delação, Temer ligou para Aécio Neves. “Ele tem experiência em escapar mesmo sendo citado várias vezes. Dizem até que o Aécio é o mutante Teflon, aquele em que nada gruda”, disse um assessor. Aécio já foi citado mais vezes na Lava Jato do que Clarice Lispector no Facebook.

De acordo com a polícia federal, Machado realmente citou Temer mas o poema era muito ruim.