Uma faxineira russa encontrou um cintaralho enquanto limpava a sala em que Dilma e Obama se reuniram para discutir a relação. O governo russo informou que o objeto foi recolhido e está sendo estudado e, caso seja comprovado que Dilma e Obama tiveram relações sexuais em salas governamentais, a coisa poderá ficar russa para eles.

Segundo o cientista político da UFRJ José Carlos Casagrande Montoya, o tipo de objeto encontrado mostra que foi o Brasil que predominou sobre os EUA. Além disso, o sexo se torna muito mais prazeroso quando é para sanar uma crise na relação.