O Brasil foi tomado por uma incrível consciência política após o dia 1º de fevereiro, marcado pela volta de Renan Calheiros. Indignados, milhares e milhares de brasileiros ficaram em casa, diante de seus computadores, para protestar e compartilhar incontáveis mensagens puta revolts no facebook e no twitter com críticas ao líder do senado. Alguns revolucionários mais audaciosos chegaram a arriscar o instagram e o tumblr. Houve também uma massiva adesão daqueles que sequer sabiam quem é Renan Calheiros, mas acharam tudo isso uma puta falta de sacanagem.

Após a onda revolucionária, o Governo Federal ficou profundamente abalado, pois não conseguia controlar os danos causados por memes, correntes e erros de português compartilhados na internet com mensagens de protesto. Renan Calheiros já foi comunicado de sua demissão e só está aguardando que alguém saia de casa para retirá-lo do senado.

Vinícius Antunes