Casamento terá mesma lei do Código de Defesa do Consumidor

casamentoA partir de agora, maridos e mulheres terão direito a garantia de pelo menos três meses e poderão trocar o parceiro em caso de defeito. Os casamentos serão regidos pelas mesmas normas do Código de Defesa do Consumidor. A medida provisória foi assinada ontem pelo presidente Lula.

“Quando você compra um produto, pode trocar. Um marido, que é muito mais sério, dá uma dor de cabeça danada na hora da troca. Não é justo que uma relação de consumo tenha mais proteção do que o maior contrato que firmamos na vida.”, disse Lula.

A nova lei prevê que em caso de propaganda enganosa o contrato pode ser desfeito. Mulheres que eram compreensivas durante o namoro mas que começam a implicar com o futebol, por exemplo, se enquadram nesta norma. Maridos que insistem em dormir durante todo o domingo também poderão ser trocados.